18 de dezembro de 2011

A boda mexicana

Autor: Sandra Sabanero
Género: Ficção
Idioma: Português
Editora: DIFEL
Páginas: 409
Preço: € 9 (alfarrabista)
ISBN:  978-9-72-290728-6
Título original: La boda mexicana

Avaliação: **** (bom)

A Boda Mexicana é um retrato muito vívido e nítido da vida no México rural, em meados do século XX.

Durante 400 páginas, somos transportados a um país de fortes tradições e costumes profundamente enraizados, onde os papéis de cada um estão predestinados desde o nascimento. A história tem como narradora principal Esperanza Villanueva, que no dia do seu casamento, partilha recordações com a mãe, folheando um albúm de família.

Pela sua voz, somos levados a uma viagem do passado para o presente, acompanhando a evolução de mentalidades no México. Nitidamente virado para as figuras femininas da família, as evocações realizadas têm como figura central as mulheres da família Villanueva, mulheres de garra e muito força interior que experienciam a vida de forma diferente.

No meio de muito suor e lágrimas, inúmeras gravidezes e maus tratos físicos e psicológicos, estas mulheres vão experimentado uma existência mais ou menos madrasta, muitas vezes dependentes de factores alheios às próprias: o alcoolismo do marido, a rebeldia e ingratidão dos filhos, a má-língua do bairro, o pesado trabalho doméstico, traições, etc.

Com uma narrativa à flor da pele e um estilo directo, Sandra Sabanero dá vida a todas essas (e muitas mais) vozes femininas, cuja ânsia de superar todas as dificuldades e obstáculos transforma uma história aparentemente banal num retrato realista e de grande impacto emocional, onde não ficamos indiferentes à cor e alegria de um povo (mexicano) que chora com tanto sentimento como ri, que não se abate nunca e tem ganas de sonhar um pouquinho mais alto… se não por si, pelos que ama.

A descrição das festas de casamento e religiosas (e são bastantes) são tão suculentas que damos por nós a salivar por um punhado de amêndoas torradas, uma fatia de bolo de mel ou um guloso taco picante.


Um livro muito agradável. Gostei.

2 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Fiquei sem perceber: é um romance ou um livro gastronómico?

Barroca disse...

É um romance com descrições de banquetes de deixar qualquer um a babar. ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...