18 de outubro de 2020

A grande magia

 
Autor: Elizabeth Gilbert
Género: Auto-ajuda, Motivacional
Idioma: Português
Páginas: 288
Editora: Objectiva
Ano: 2016

---
 
Gosto de livros sobre como estimular e expressar criatividade, nomeadamente os de escrita criativa. Um dos meus preferidos, e mais mencionado numa qualquer lista sobre o tema, é o excelente On writing/Escrever - memórias de um ofício de Stephen King.
 
Em A grande magia, a autora que se tornou mundialmente famosa com Comer Orar Amar partiha o seu processo criativo e várias notas sobre a arte literária e a criatividade em geral. Qualquer outro artista além de um (aspirante a) escritor terá muito pouco a reter. 
 
Resulta que temos como que um diário da autora, que expõe a sua perspectiva sobre a criatividade e seus próprios altos e baixos no processo de criação.
 
É difícil classificar o conteúdo de um livro motivacional, pois as nossas expectativas podem ser muito diferentes das expectativas de outros leitores e do propósito da própria escritora, mas na realidade não há grande coisa a tirar daqui, no sentido em que não há uma ideia inovadora. Há conceitos interessantes, como o das ideias terem um prazo definido para serem concretizadas e vão pulando de mente criativa em mente criativa até um determinado artista investir o tempo e energia em as concretizar.
 
Elizabeth Gilbert foca-se na sua própria história e os conselhos úteis são poucos. Há muito tough love, em que Gilbert diz que um escritor tem de se habituar à rejeição e à ideia de não escrever algo que revolucione o mundo literário. Há ainda a mensagem de que a profissão de escritor é muito pouco útil à sociedade (!), peculiar quando vindo de alguém que ficou milionária por causa de um livro que publicou em 2006.

A grande magia é uma conversa amigável; a mensagem, simples, depressa se torna repetitiva e não justifica um livro tão longo.

***
(mediano/razoável)

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...